Pesquisar este blog

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Veja nova matéria com a jornalista e publicitária Neila Medeiros: Ela falou sobre mercado de trabalho e profissão

A profissional dá dicas como aprimorar a carreira e conta experiencias da sua jornada com a comunicação. Novamente à frente do Sbt Brasília, Neila fala das dificuldades econômicas enfrentadas pelo país.

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé
Foto: reprodução facebook

 Neila Medeiros, jornalista do Sbt, fala das dificuldades enfrentadas durante sua graduação. Formada em publicidade pela Universidade Potiguar do Rio grande do Norte, jornalismo pelo Instituto Superior de Brasília e radialismo pelo Sindicato dos Radialistas do Rio Grande do Norte, a apresentadora nascida em Brasília ficou bem conhecida depois de uma reportagem que ela responde a um secretário de obras da cidade de Luziânia, no estado de Goiás. Ele criticou o trabalho da impressa durante entrevista sobre uma enorme cratera aberta em um bairro da cidade. “Criticar é fácil (...) a própria imprensa, ao invés de ajudar, ela não deixa a gente trabalhar”. Declaração que deixou a apresentadora irritada: “O buraco aonde caiu o caminhão, também foi anunciado por nós, (...) que o menino de seis anos morreu, também foi anunciado por nós. Não fizeram por culpa na imprensa? Como assim? Tá dando entrevista porque alguém tem que dar entrevista. Órgão público tem que dá satisfação pra população, não tem nada ver de imprensa atrapalhar. Faz o seu serviço a gente faz o nosso”. Muitos comentários surgiram nas redes sociais em apoio à jornalista.

Em outra matéria produzida pelo blog, Neila concedeu entrevista especial, e você pode conferir pelo link. A nova produção foi elaborada para realização de um projeto de revista de alunos universitários, entre novembro e dezembro de 2016. 

Neila conta que o durante sua formação teve que enfrentar algumas dificuldades, mas com determinação conseguiu êxito em seus propósitos. Ela relata como foi trabalhar e estudar ao mesmo tempo com duas filhas pequenas. “Minha graduação foi feita pelo caminho inverso. Comecei a trabalhar com jornalismo depois de me formar em publicidade e propaganda. Fiz radialismo e só depois jornalismo. Difícil era trabalhar dois turnos e fazer faculdade num terceiro tendo duas filhas. Mas deu certo”. (trecho de matéria do dia 11/05/2014)

As mudanças foram surgindo

A apresentadora estava comandando um jornal regional em Brasília, quando em 2014 foi chamada para trabalhar em rede nacional na apresentação do  Sbt Notícias, nos finais de tarde da emissora paulista, mas o programa foi cancelado pela direção da emissora meses depois. Desde a sua chegada a São Paulo, Neila Medeiros foi ganhando espaço e logo passou a apresentar outros informativos de transmissão nacional. As apresentações no Jornal do SBT, nas madrugadas, muitas das vezes líder de audiência no horário, consagraram o trabalho da jornalista que também foi escalada para apresentar o jornal Sbt Brasil, sempre que necessário, que vai ao ar às 19:45 hs.

Tendo que deixar Brasília ‘às pressas’, Neila fala como foi sua chegada a São Paulo para aquele novo desafio: “Foi uma experiência marcante. Uma chegada no mínimo inusitada em São Paulo. Conheci muitos colegas de trabalho incríveis (de camareiros a jornalistas), vi admirada uma estrutura ser montada do dia para a noite, tive a oportunidade de marcar essa passagem com matérias das quais me orgulho e ver o entrosamento de tanta gente bacana. Passou rápido mas foi muito bom”. (trecho de matéria do dia 11/05/2014)

Uma carreira depende muito de um planejamento. É necessário sacrificar o tempo. Investir mais, estudar com mais entusiasmo e objetivos. Neila comenta sobre as mudanças que acontecem na caminhada de um profissional, e afirma que traçar metas é o caminho mais adequado para a realização de um sonho. Eu me preparei para isso. Acredito que traçar metas é o mais eficiente para direcionar nossos passos. Foi a realização de uma etapa da minha vida. Os desafios aqui são maiores. Isso me deixa sempre alerta para crescer a cada dia estudando e trabalhando mais e melhor”.

Preparo e esforço é o segredo da profissional

 A vida não está fácil. Vontade de aprender e trabalhar sempre abriu portas para qualquer pessoa que queira oportunidade. Esse é o caminho”.

Atualmente com 39 anos, Neila Medeiros começou como produtora em agência de publicidade. Mas foi no ano de 2001 que ela iniciou sua carreira na TV, na emissora afiliada do SBT, a TV Ponta Negra, no Rio Grande do Norte. Passou pela TV justiça e logo depois foi apresentar o Sbt Brasília, o qual ela está apresentando novamente, um jornal apresentado no horário do almoço e que agrada a emissora em relação a audiência conquistada. Ela falou da relação que tem com a emissora a qual trabalha há mais de 15 anos: “Minha relação com o SBT é de muito respeito e gratidão. Se confunde com minha formação profissional. Minhas filhas cresceram nos camarins e estúdios da emissora enquanto eu aprendia na prática o ofício de jornalista. Sempre tive toda a liberdade de me expressar e trabalhar em diferentes áreas na empresa. Uma parceria que dá certo há anos, em cidades diferentes. (trecho de matéria do dia 11/05/2014)

A profissional, que já tem quase 17 anos de carreira, incentiva aos futuros pra profissionais a investirem em suas carreiras profissionais e estarem envolvidos com aquilo que estão estudando. Ela diz como foi o processo de sua graduação: Fiz muitos cursos ao longo da profissão e participei de congressos e encontros, sempre buscando estar em contato com profissionais e movimentos ligados ao jornalismo.

O Brasil passa por um momento turbulento na política e na economia. Muitos jovens estão encontrando dificuldades para conseguir emprego. Sem emprego, muitos, estão trancando ou não conseguem ingressar no superior. A publicitária diz que o mercado está mais exigente, e dá dicas para quem deseja se manter no mercado: “A instabilidade é uma marca desses novos tempos. Cada vez mais as pessoas precisam de preparo e diferentes habilidades para se manter atuando. Não se concorre apenas com outros profissionais, mas com mudanças drásticas no cenário nacional e internacional”.  Para os futuros profissionais, Neila reconhece a situação atual do país, e deixa recado: “A vida não está fácil. Vontade de aprender e trabalhar sempre abriu portas para qualquer pessoa que queira oportunidade. Esse é o caminho”.



Agradecemos a gentileza em nos atender.